terça-feira, 23 de novembro de 2010

o mundo a meus pés

a partir de hoje fico literalmente com o mundo a meus pés (vamos ver até quando).

fui entregar o meu pópó, já há algum tempo que lhe dou pouco uso, por isso nem foi uma separação difícil, até fiquei antes irritada por me ter esquecido dos documentos mais importantes (no meio de tanta coisa que não me podia esquecer), ah, e também irritada porque o tipo lá encontrou dois defeitos no carro e não sei se não terei de ser eu a pagá-los! a sério, nunca mais me meto numa destas, tanta mariquice!

uma coisa é certa, não vou ter saudades nenhumas da falta de ar ao raspar ou quase raspar o carro numa certa curva da garagem, parece que me saíu uma cruz de cima!


os próximos meses serão o test-drive :) vamos ver como corre! ;)

2 comentários:

administrador disse...

may the force be with you!

Rute disse...

Aquela curva da tua garagem sempre me arrepiou. Já te livraste dela!